Jacqueline Nogueira Cerqueira, é filha do Recôncavo Baiano, reside em Sapeaçu – BA desde que nasceu, é poeta e escritora, assina pelo pseudônimo de “Jacquinha Nogueira”;  é professora de Língua Portuguesa, Redação e Literatura; Graduada em Letras pela UNEB (2013), Especialista em Literatura Contemporânea pela Barão de Mauá (2015), Especialista em Cultura e Literatura pela Barão de Mauá (2015) e  Mestranda em Educação pela UFBA (2018); É organizadora do Sarau Sapeaçu desde 2014 e desenvolve nas escolas onde leciona o Projeto “A Poesia Vive”; É membro da Confraria Poética Feminina e têm poesias publicadas em várias antologias:  “O Diferencial da Favela: Poesias Quebradas de Quebrada” (2014); “Poesia Livre” (2014); Coletânea Prêmio Galinha Pulando (2014) “Antologia Poética Vol. II Cogito” (2015) ; Revista Farpa 1ª edição (2015); Confraria Poética Feminina (2016); É uma das poetas que estão mapeamento de poetas baianos no site Mapa da Palavra.ba (2016); O Diferencial da Favela Poesias e Contos de Quebrada (2017); Revista Reflexos de Universos nº 93 (2017); Revista Reflexos de Universos nº 94 (2018) e Confraria Poética Feminina Vol. 2 (2018).