O maestro Ubiratan Marques preparou para o concerto de encerramento da FLIPELÔ (12.8 às 17h, no Largo do Pelourinho) uma apresentação especial da Orquestra Afrosinfônica, com arranjos criados especialmente para músicas relacionadas ao universo da obra de Jorge Amado. Criada em 2009, a Orquestra Afrosinfônica se expressa a partir de uma abordagem erudita decorrente de pesquisas sonoras e conceitos intimamente ligados à música afro-brasileira, sendo estruturada por percussão popular e sinfônica, naipes de sopro e cordas e coro feminino.